bolsa                                 tels

Técnicos

 

ENSINO TÉCNICO

Período: Manhã/Tarde/Noturno 

 

Tendo como objetivo a continuidade de uma educação básica, onde visa construir conhecimentos, produzir cultura, trabalhar em equipe, exercer liderança positiva e democrática, estimular autoestima, exercitar sua cidadania, desenvolver criatividade, desenvolver a capacidade de aprendizagem, adquirindo habilidades e a formação de atitudes e valores.

A Escola Máximu’s  acompanha esse objetivo, oferecendo os Cursos Técnicos em Informática, Técnico em Administração e Técnico em Logística e Técnica em Eletrotécnica (noturno)

Os cursos técnicos são voltados, principalmente, para jovens que estão no ensino médio e desejam aprender um ofício para entrarem no mercado de trabalho. Esses cursos são a porta de entrada para o primeiro emprego de muitos jovens, pois possuem foco na profissionalização e nas exigências do mercado.

  

TÉCNICO EM ELETROTÉCNICA (Turmas abertas para agosto 2018)

eletro_01.png

O segmento energético vem crescendo intensamente nos últimos anos, seja pelo aumento na demanda de energia elétrica (com a construção de novas usinas de geração e redes de transmissão e distribuição de energia), pela necessidade das indústrias e empresas em terem profissionais que intervenham em suas instalações elétricas. 

A necessidade de mão de obra qualificada, coloca o Técnico em Eletrotécnica como um dos profissionais de nível médio mais procurados e bem pagos da atualidade. 

Segundo ranking do Globo.com, o Eletrotécnico está na lista das 10 carreiras técnicas que mais empregam e são melhores remuneradas. 
Este profissional pode atuar fazendo instalações elétricas em qualquer etapa do processo de geração, transmissão ou distribuição de eletricidade.

Podemos verificar os efeitos de sua atuação em diversos aspectos da vida social, pois deles dependem tanto o funcionamento de uma imensa rede de distribuição de energia, sistemas de comunicação e transporte quanto o de um equipamento médico-hospitalar, por exemplo.

SOBRE O CURSO

O Curso Técnico em Eletrotécnica visa capacitar o aluno a trabalhar em empresas produtoras e distribuidoras de energia elétrica, usinas hidroelétricas e termoelétricas, indústrias de máquinas e equipamentos elétricos, indústrias mecânicas, metalúrgicas, químicas e petroquímicas, empresas de construção civil, empresas de comercialização de materiais, equipamentos e componentes elétricos, em escritórios de engenharia elétrica ou de consultoria técnica da área de eletrotécnica.

O Técnico em Eletrotécnica instala, opera e mantém elementos de geração, transmissão e distribuição de energia elétrica. Participa na elaboração e no desenvolvimento de projetos de instalações elétricas e de infraestrutura para sistemas de telecomunicações em edificações. Atua no planejamento e execução da instalação e manutenção de equipamentos e instalações elétricas. Aplica medidas para o uso eficiente da energia elétrica e de fontes energéticas alternativas. Participa no projeto e instala sistemas de acionamentos elétricos. Executa a instalação e manutenção de iluminação e sinalização de segurança.

O Profissional Técnico em Eletrotécnica executa tarefas relativas ao planejamento, avaliação e controle de projetos de instalações, aparelhos e equipamentos elétricos, orientando-se por plantas, esquemas, instruções, outros documentos específicos e utilizando-se de instrumentos apropriados, para cooperar no desenvolvimento de projetos de construção, montagem e aperfeiçoamento dos mencionados equipamentos.

O eletrotécnico tem ação marcante em cada uma dessas áreas e atividades. Em Sistemas Elétricos Industriais podemos destacar:

  • Planejar, programar, controlar, supervisionar atividades;
  • Orientar e coordenar a execução de serviços de manutenção de equipamentos;
  • Realizar o controle da qualidade dos trabalhos;
  • Gerar especificações técnicas e prestar assistência na aquisição de materiais para reposição e estoque de componentes e equipamentos;
  • Ser o responsável por projetos de instalação de residências e industrias, até 800 Kva;
  • Solicitar, acompanhar e interpretar os resultados de medições, ensaios, testes e controles;
  • Elaborar relatório técnico que retrate a viabilidade econômica da manutenção elétrica;
  • Estudar e avaliar defeitos e diagnosticar suas causas para as providências corretivas;
  • Coordenar e formar equipes de trabalho;
  • Elaborar planilha de custos de manutenção elétrica de máquinas e equipamentos industriais, considerando a relação custo-benefício;
  • Coordenar atividades de utilização e conservação de energia elétrica, propondo a racionalização de uso de fontes alternativas;

 

MERCADO DE TRABALHO

O eletrotécnico pode trabalhar em indústrias metalúrgicas, assistência técnica, telecomunicações e até mesmo em construção civil. Onde ele realmente se sobressairá são as empresas voltadas a geração e distribuição de energia elétrica. Concessionárias de energia elétrica. Prestadoras de serviço. Indústria em geral, nas atividades de manutenção e automação. Indústria de fabricação de máquinas, componentes e equipamentos elétricos.

CREA: Ao concluir este curso o profissional poderá ser registrado no Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA) de sua região e este registro terá validade nacional.

PRÉ REQUISITOS

Pessoas com 2º Grau Completo ou estar cursando o Ensino Médio que desejem ingressar na profissão de “Técnico em Eletrotécnica” ou que já atuam na área e que queiram aprofundar conhecimentos.

ATIVIDADES EXTRACURRICULARES do curso

Palestras de Formação do Profissional; 
Planejamento Profissional; 
Marketing Pessoal, 
Currículo Profissional; 
Entrevista e Seleção; 
Biblioteca com Acesso à Internet; 
Laboratórios Equipados para Aulas Práticas.

 

 

TÉCNICO EM INFORMÁTICA

tecnicoinformatica

O objetivo do curso Técnico em Informática é formar profissionais aptos a compreender e investir em atividades de elaboração, caracterização, execução, avaliação e manutenção de sistemas de informações. O conhecimento adquirido também pode ser aplicado na produção de bens, serviços e conhecimentos.
 
Na grade curricular estão previstas disciplinas que permitem aos alunos realizar o desenvolvimento de programas, instalar e configurar periféricos e softwares, além de prestar suporte técnico aos usuários. O técnico da área também está capacitado para estabelecer critérios a fim de selecionar e utilizar sistemas operacionais e bancos de dados, identificando ferramentas e metodologias para isso.
 
Além do amplo mercado que o Técnico em Informática possui, o curso pode ser uma primeira etapa para aqueles que desejam formar-se em uma graduação da área. Existe a possibilidade de cursar Bacharelado em Ciência da computação, Tecnologia em Gestão da Informação. O perfil do estudante exige aptidão em raciocínios abstratos e em fazer contas.

 

Mercado de Trabalho

Graças ao uso cada vez mais evidente da informática na sociedade contemporânea e às constantes atualizações, o mercado cada vez mais se amplia para esse profissional. Existe a possibilidade profissional de atuar também no comércio, na indústria, na área financeira ou em empresas que realizam treinamentos de informática.

O profissional que se forma como Técnico em Informática também pode atuar de forma autônoma realizando consultorias, treinamentos e desenvolvimento de softwares. Outra opção é trabalhar em instituições públicas e privadas que precisam de sistemas de informática, especialmente as que envolvem a programação de computadores. As empresas de telecomunicações e de auditorias também estão absorvendo esses profissionais.

 

TÉCNICO EM ADMINISTRAÇÃO

tecnicoadministracao

O curso tem como objetivo desenvolver o aluno para executar atividades administrativas da organização relacionadas aos processos de: gestão de pessoas, operações logísticas, gestão de materiais e patrimônio, marketing, vendas e finanças.
 
Este curso visa formar profissionais capacitados a exercer as mais diversas funções de apoio em uma empresa, principalmente as que envolvam gestão de recursos humanos, materiais, financeiros, mercadológicos, logísticos e da informação. É direcionado para “pessoas que buscam desenvolver o perfil empreendedor e para profissionais que buscam o aprimoramento constante e a qualificação para atuar com competência nos diversos setores empresariais”.
Assim, os profissionais formados atuam em funções importantes na empresa, como planejamento estratégico, recrutamento e seleção, avaliação de desempenho, atividades financeiras e contábeis, planejamento da logística de recursos materiais, bens e serviços, gestão de processos etc.

 

Mercado de Trabalho

A área de atuação de um Técnico em Administração é muito extensa e variada. Ele pode atuar em qualquer área da sociedade em que haja a necessidade de administração de um negócio, como: indústrias, comércio, hospitais, fábricas, empresas do governo,  escolas e universidades etc.
 
 
Ele pode atuar com planejamento, coordenação e controle de atividades em diversas áreas, como: administrativa, de produção, marketing, recursos humanos, logística, financeira etc. Ou seja, possuem um campo de atuação muito extenso e com boas expectativas no mercado de trabalho.
Podem atuar também como profissionais autônomos, trabalhando com consultoria e treinamento em outras empresas.
 
 

TÉCNICO EM LOGÍSTICA

tecnicologistica

O Técnico em Logística é responsável pela administração de materiais e recursos de uma empresa.
O profissional técnico em Logística é responsável por programar e coordenar as operações de transporte e distribuição de produtos em uma empresa. Nos últimos anos, essa profissão está em ascensão, tendo em vista que a logística é um dos pontos principais para uma boa distribuição de tudo o que é comercializado no país.
Embora o termo logística nos remeta à distribuição de produtos via transporte, ela vai além dessa definição, pois engloba toda a cadeia produtiva de uma empresa. Essa ferramenta, em suma, busca uma maneira de planejar as operações com vistas a minimizar os custos e maximizar os lucros utilizando as ferramentas que a tecnologia oferece. 
 

 

Mercado de Trabalho

Com as empresas buscando cada vez mais métodos que agilizem os processos de distribuição de produtos e serviços, o mercado para o profissional de logística promete ser promissor. O profissional encontrará portas abertas em comércios, indústrias e prestadores de serviços, como companhias aéreas e de transportes terrestres, engenharia, despachantes aduaneiros, entre outros.